Sexta-feira, 1 de Março de 2013

Afirmar o Turismo de Qualidade e Defender a Vocação de Cascais

Afirmar o Turismo de Qualidade e Recuperar a marca turística - ESTORIL - é um dos principais compromissos que assumo convosco neste nosso esforço de defender os interesses de Cascais e dos Cascalenses. Numa altura em que as entidades oficiais resolveram renegar o ESTORIL, fechando os olhos a 100 anos de história e ao reconhecimento e prestígio internacional que a nossa terra tem e extinguindo até a freguesia, torna-se premente recuperar os nossos ESTORIS. Conto convosco!


 

 

publicado por MovimentoSerCascais às 10:49
link do post | comentar | favorito
partilhar
Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2013

Graffiters Verdadeiros apoiam SerCascais!

 

A comunidade de Graffiters de Cascais veio assegurar que não tem nada a ver com o acto de vandalismo perpetado contra a NOSSA/VOSSA sede e que apoia o Movimento Independente SerCascais! Para comprovar isso, transformaram a cobarde mensagem que os vândalos deixaram no nosso cartaz num bonito mural de apoio à nossa causa, sublinhando que "querem fazer parte da onda que vai mudar Cascais" Bem hajam todos os Cascalenses pelo vosso apoio, pela vossa força e pela determinação que têm mostrado. Vale mesmo a pena SerCascais!

publicado por MovimentoSerCascais às 10:44
link do post | comentar | favorito
partilhar
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013

Querem Calar Cascais e os Cascalenses!

 

Menos de 24 horas depois da inauguração da sede SerCascais, alguém vandalizou o espaço pela calada da noite e deixou uma absurda mensagem de apelo à violência que mostra bem o impacto que a candidatura independente está a ter.
Para além de uma marca de bala colocada na testa da imagem de Isabel Magalhães (numa vã tentativa de amedrontar a candidata independente?...),  o slogan do movimento foi alterado, tendo substituído a mensagem “Sem Partidos”  por um expressivo “Gosta de Partidos”! De resto não estragaram mais nada... era só mesmo para dizer o que tinham a dizer...
Afinal, contra tudo o que se diz por aí, parece que está mesmo a fazer mossa junto das estruturas partidárias a proposta livre e independente do SerCascais! Afinal, parece que os partidos têm mesmo medo de que os Cascalenses possam ter voz activa no futuro deste Concelho!...
Vale a pena SerCascais.
publicado por MovimentoSerCascais às 10:38
link do post | comentar | favorito
partilhar
Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2013

O PRIMEIRO DIA SERCASCAIS - ISABEL MAGALHÃES

 

 

E aqui fica, meus amigos, a memória das palavras que proferi ontem naquele que foi um dos dias mais especiais da minha vida. Porque sei que este foi o primeiro dia do resto de uma nova vida. E porque convosco vamos oferecer um futuro diferente à NOSSA terra. Vale a pena SerCascais!

publicado por MovimentoSerCascais às 18:25
link do post | comentar | favorito
partilhar

O Primeiro Dia - Abertura da Sede SerCascais

 

 

Obrigada a todos os que se juntaram a nós neste novo caminho para Cascais. Para que os nossos filhos e netos possam sentir esta NOSSA terra! Porque vale a pena SerCascais! com Pedro Rocha Dos Santos, Marita Moreno Ferreira, Ginha van Doorn,João Aníbal Henriques, João Joao Baraona, Rusa Hespanha, Diogo Pacheco de Amorim e tantos outros! Sejam bem-vindos a este primeiro dia do resto de uma nova vida para Cascais!

publicado por MovimentoSerCascais às 10:35
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sábado, 23 de Fevereiro de 2013

ABERTURA DA SEDE SERCASCAIS COM ISABEL MAGALHÃES


No próximo Domingo, dia 24 de Fevereiro, venha conhecer e explorar a nossa/Vossa sede SerCascaisna Av. 25 de Abril, 436 (ao lado do Hotel Cidadela)!

 Pinturas "rupestres"! Música ao vivo! Lanche! Animação para todas as idades!

Traga os seus filhos, pais, avós, netos e bisnetos!

 Venha partilhar connosco este que será

 O PRIMEIRO DIA DO RESTO DE UMA NOVA VIDA PARA CASCAIS!


 Programa:

16h00 - Abertura
16h30 - Pinturas "Rupestres" SerCascais
17h30 - Intervenção de Isabel Magalhães
18h00 - Música ao Vivo
18h30 Lanche e convívio

publicado por MovimentoSerCascais às 18:17
link do post | comentar | favorito
partilhar
Segunda-feira, 25 de Abril de 2011

Ser Cascais apela a voto na petição para preservar memória histórica do Hotel Miramar

S.O.S Monte Estoril é o nome da petição popular que foi lançada na semana passada e que tem como objectivo apelar à preservação do antigo Hotel Miramar (que já foi aqui referido), considerado pelos historiadores “como uma preciosidade notável de arquitectura de veraneio do início do século XX”. Para o historiador João Aníbal Henriques, trata-se de uma “pérola”, sendo a sua preservação “uma expressão de inteligência”.

 

A petição foi lançada pela  Associação de Moradores do Monte Estoril, que estão muito preocupados com o destino que a Câmara de Cascais pretende dar àquele imóvel. “É preciso salvaguardar a sua envolvente verde, o paisagismo, a memória física da fachada, a volumetria final. E é preciso que o arquitecto fale connosco”, disse Raquel Henriques da Silva, professora da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, aquando da apresentação pública da petição.

 

Para os responsáveis da iniciativa, o actual projecto de recuperação para o local vai aumentar em 300 por cento a área de construção do antigo hotel, e está ferido de ilegalidade à luz do Plano Director Municipal (PDM). Preocupações que a associação de moradores fez saber durante a fase de discussão pública do projecto. Neste momento, aguarda-se um parecer da CCDR-LVT.

 

 

Citado pelo Público, Salvador Corrêa de Sá, da associação de moradores, deixa bem claro o que se pretende com esta iniciativa: O objectivo peticionário “não é estar contra que se façam coisas, não somos contra o novo hotel, mas que o façam com conta, peso e medida, sem aço e vidro, como o Estoril Residence, mas tomando em conta a vontade dos moradores, a caracterização da zona e o espírito do local”.

 

O Movimento Ser Cascais esteve presente no lançamento da petição e está totalmente empenhado nesta causa, e faz um apelo para que as pessoas subscrevam esta petição, de modo a corrigir-se o plano de pormenor para a reestruturação urbanística do terreno onde se encontram as ruínas do antigo imóvel, e que abriu caminho a mais um “atentado” na memória arquitectónica e histórica do Concelho.

 

publicado por MovimentoSerCascais às 14:38
link do post | comentar | favorito
partilhar
Sexta-feira, 11 de Março de 2011

Reconstruir o original Hotel Miramar é respeitar a história de Cascais

O antes...                                Foto: Blogue Restos de Colecção

 

O alerta já foi dado há algum tempo e o Movimento Ser Cascais tem acompanhado com bastante preocupação aquele que poderá ser mais outro grande atentado ambiental, cultural e arquitectónico no Concelho de Cascais. Desta vez no Monte do Estoril, com a construção de um novo complexo hoteleiro no lugar do antigo e histórico Hotel Miramar, ardido em 1975 e desde então condenado ao abandono.

 

Por aquilo que já é conhecido do projecto, não se trata de uma requalificação ou reconstrução do antigo Hotel, como seria desejável, mas sim da construção de um complexo totalmente novo, com uma filosofia diferente, volumetria excessiva e desenquadrado com a envolvente, quer em termos ambientais, culturais e arquitectónicos.

 

...E o depois. Foto:Gastão Freire de Andrade de Brito e Silva/Blogue Ruin'arte

 

Infelizmente, o Concelho de Cascais tem sido pródigo neste tipo de intervenções e basta para isso dar o triste exemplo do antigo Hotel Estoril Sol, que foi deitado abaixo sob o signo da esperança dos cascalenses poderem ver corrigido um erro com muitos anos. Em vez disso, foi o choque e a desilusão ao verem nascer três torres de vidro monstruosas que engolem vorazmente a marginal e o mar.  

 

Um dos aspectos preocupantes sobre o processo administrativo que sustenta o projecto do novo Hotel Miramar, e que suscita uma série de questões quanto à forma da CMC gerir este tipo de assuntos, é que a nova unidade hoteleira já está enquadrada legalmente ao abrigo do plano de Pormenor de Reestruturação e Urbanização do Terreno do Hotel Miramar, recentemente em discussão pública.

 

O projecto do novo Hotel Miramar

 

Uma obra totalmente desenquadrada com a realidade envolvente

 

Perspectiva-se mais um grande atentado em Cascais, lamentavelmente, perante a passividade dos responsáveis do Executivo e fomentado por interesses particulares. É por isso importante que os cascalenses se mobilizem e sensibilizem o Presidente da Câmara para corrigir um projecto que, a ser concretizado, empobrecerá o Concelho a vários níveis. Ao contrário do que aconteceu com o Estoril Sol, neste caso ainda se vai tempo.  

 

O Movimento Ser Cascais considera o turismo um vector essencial para o desenvolvimento do Concelho, mas de uma forma sustentável, que respeite o seu património ambiental, cultural e arquitectónico, porque só através deste equilíbrio é possível fazer de Cascais um melhor sítio para viver e visitar.

 

publicado por MovimentoSerCascais às 18:56
link do post | comentar | favorito
partilhar

pesquisar

Eleições autárquicas 2013

O SerCascais - Movimento Independente, liderado por Isabel Magalhães, é um Grupo de Cidadãos Eleitores sem qualquer apoio partidário ou ligação política, candidato às eleições autárquicas de 2013 em Cascais.

Ligações

posts recentes

Afirmar o Turismo de Qual...

Graffiters Verdadeiros ap...

Querem Calar Cascais e os...

O PRIMEIRO DIA SERCASCAIS...

O Primeiro Dia - Abertura...

ABERTURA DA SEDE SERCASCA...

Ser Cascais apela a voto ...

Reconstruir o original Ho...

tags

todas as tags

arquivos

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

subscrever feeds